Notícia

Editorial: Uma história de cooperação

Louvamos a Deus que ao longo dos anos tem nos abençoado com todas as bênçãos celestiais. Na semana que passou celebramos os 112 anos de organização da Convenção Batista Brasileira, que tem sua gênese histórica na reunião realizada em 1907, na cidade de Salvador - BA, com a presença e apoio de 43 “delegados”, mensageiros e representantes de 39 Igrejas e “corporações” que, após deliberações, decidiram: “nós, mensageiros das Igrejas, sociedades e outras organizações da denominação Batista de várias partes do Brasil, reunidos na cidade da Bahia, capital do estado do mesmo nome, nos dias 22 a 27 de junho de 1907, para executar a vontade das corporações, que representamos, unir todas as forças Batistas do Brasil, em uma organização nacional maior, para o desenvolvimento e eficácia da pregação do Evangelho de Jesus Cristo segundo a nossa crença, concordamos em obedecer as seguintes regras, ou artigos:

Artigo 2° - O fim desta organização é promover missões domésticas e estrangeiras, e tudo mais que direta ou indiretamente tenha relação com o reino de nosso Senhor Jesus Cristo, respeitando-se a soberania das igrejas e igualdade de direitos umas para com as outras”. (Ata da 3ª sessão da Primeira Convenção).

A Convenção Batista Brasileira é, portanto, esta entidade religiosa, sem fins lucrativos, composta de Igrejas Batistas que decidem voluntariamente se unir para viverem a mesma fé, promoverem o reino de Deus e assumirem o compromisso de fidelidade doutrinária, cooperação e empenho na execução dos programas convencionais. A Convenção representa, de forma adequada nos dias atuais, a solução dos Batistas para a realização de suas aspirações comunitárias e o tratamento das questões de seu interesse, segundo a mesma linha de ensinamentos e exemplos bíblicos, buscando, assim, manter-se fiel ao propósito de Deus de salvar o mundo e de adquirir para si um povo peculiar. A Convenção existe em função do propósito que o Senhor Jesus deu à Sua Igreja. A Convenção, constituída pelas Igrejas Batistas que livremente se associam para sua formação, é uma associação religiosa que tem por finalidade promover o reino de Deus em todos os seus aspectos, por todos os meios eticamente lícitos.

A Bíblia não registra a existência de convenção, associação de qualquer outra organização eclesiástica, além da Igreja. Entretanto, contém ensinamentos e exemplos que sinalizam na direção de procedimentos cooperativos, de reunião de esforços e providências que autorizam o surgimento de entidades e órgãos que, pela iniciativa e com o apoio e controle das Igrejas, se tornem instrumentos para a realização dos propósitos que têm em comum. A Convenção aparece, na experiência Batista, como instrumento para canalizar e dar expressão concreta ao desejo das Igrejas Batistas e do povo Batista de juntos glorificar o nome do Senhor. Celebremos, pois, ao Senhor por estes anos de bênçãos. Hoje, a Convenção Batista Brasileira é composta por uma família com mais de três milhões de pessoas, que se reúnem em 8.974 Igrejas e 4.739 Congregações, presentes em quase todos os municípios do Brasil.