Notícia

Evento traz novos tempos para os músicos Batistas mineiros

O segundo semestre de 2018 está se encerrando com novidade para os músicos Batistas mineiros. Visando o aprimoramento técnico e espiritual dos ministros de louvor das nossas Igrejas, a Associação de Músicos Batistas de Minas Gerais (AMBMG) realizou, em parceria com a Convenção Batista Mineira (CBM) e a Escola Batista de Música (EBM) a primeira edição do evento “Louvor da Gerais”, que aconteceu do dia 1 a 3 de novembro, no Teatro Maddox (Colégio Batista Mineiro-BH), reunindo mais de 100 irmãos e irmãs de 12 das 19 associações da CBM.

De acordo com a presidente da AMBMG, Ana Ribeiro, a proposta do evento era de capacitar os líderes e ministros de louvor com técnicas e também com conhecimento espiritual para desenvolver um ministério de louvor de excelência em suas Igrejas. “Elaboramos o Louvor das Gerais com a finalidade de auxiliar os músicos em suas necessidades, e capacitá-los para melhor servir em suas Igrejas. Além disso, outro objetivo foi aproximar mais os músicos, gerando unidade e comunhão para que juntos possamos crescer e oferecer nosso melhor na área do louvor para nossas Igrejas”, explicou. “Foi um evento sensacional e tenho certeza que a cada ano ficará melhor. Queremos que os músicos saibam que a Convenção Batista Mineira se preocupa com eles, promovendo eventos de capacitação que aliam a questão técnica e a espiritual, de forma que a capacitação seja integral”, avaliou o diretor-executivo da Convenção Batista Mineira, pastor Marcio Santos.

Durante os três dias os participantes ouviram preleções do pastor Ivênio dos Santos, da Igreja Batista Redenção de BH, da ministra de louvor Marta Keila, do Rio de Janeiro e do pastor Paulo Júnior, da Igreja Batista do Aarão Reis - BH. Além das preleções, também foram realizadas as seguintes oficinas: “Oficina para som” com o professor Hellington Dornelas, “Canto e Coral” com a ministra de música de Coronel Fabriciano, Carla Cristina Ribeiro, “Liturgia do culto e datas comemorativas”, com o professor e diretor da Escola Batista de Música, Handel Cecílio e “Prática de banda”, com Danton Bianchi, da cidade de Manhuaçu-MG.

Marta Keila, uma das palestrantes do evento ficou admirada e contente em ver o empenho dos irmãos e irmãs em oferecer o melhor para Deus. “Estou admirada e emocionada em ver a proposta da Convenção e da AMBMG, buscando o aprimoramento do trabalho que vem sendo realizado nas igrejas, e principalmente dar um encaminhamento bíblico autentico e real para o ministério de música em Minas Gerais”, disse.

Se para quem compartilhou um pouco da sua experiência e conhecimento foi gratificante, para os participantes também. Esse é o caso do irmão Samuel Martins, que avaliou com entusiasmo o que viu no Louvor das Gerais. “Sensacional! Todas as Palavras e oficinas ministradas foram de grande valia, ricas de experiências. O evento nos trouxe a consciência do tamanho da nossa responsabilidade em, como servos fiéis, fazer uso dos recursos apreendidos aqui a fim de prestar um culto racional e responsável ao nosso Deus”, afirmou.

A irmã Isabele, da PIB de Curvelo saiu do evento satisfeita com tudo que aprendeu, e motivada a compartilhar com os ministros e músicos da sua Igreja. “Compreendi que posso servir melhor unindo a técnica e a espiritualidade. Aprendi também como elas são importantes para moldar os adoradores do Senhor. Vou levar o máximo de conhecimento aprendido e motivar meus irmãos a virem ano que vem, tenho certeza que fará a diferença na vida deles, como fez na minha”, compartilhou.

Para os irmãos que não estiveram presentes no Louvor das Gerais, a presidente Ana Ribeiro já avisa: “Ano que vem o evento acontecerá dos dias 15 a 17 de novembro. Você que é líder do ministério de louvor da sua igreja motive e organize sua caravana e venha estar conosco. Faça parte deste novo tempo que Deus reservou para Associação de Músicos Batistas de Minas Gerais”, convida.

Por: Ilimani Rodrigues e Kátia Brito, jornalistas da Convenção Batista Mineira


 
 

Fotos