Artigo

Fazendo da vida devocional uma prioridade

Nos primeiros passos da nossa jornada cristã, aprendemos que precisamos nos alimentar espiritualmente para vencermos as tentações do mundo. Aprendemos que ao nos converter, somos comparados a recém-nascidos que precisam do leite para sua subsistência e nutrição. Dessa forma, assimilamos a lição de que precisamos nutrir nosso coração e mente com a Palavra de Deus e manter uma conversa com Ele através da oração.

A caminhada cristã exige disciplinas espirituais. Nessa caminhada, desde os primeiros passos, somos estimulados pelos mais experientes a não nos apartar da nossa vida devocional, ou seja, de nosso tempo a sós com Deus, quando abrimos nosso ser em oração e meditamos na Palavra. É assim que buscamos intimidade e direcionamento espiritual.

É evidente que a vida devocional é o que tonifica o cristão para enfrentar os grandes desafios e vencer as tentações. Uma vida devocional equilibrada garante estabilidade e firmeza para o cristão enfrentar os dilemas da vida, viver no mundo e vencer as tentações. Manter uma vida devocional nos fortalece contra a maldade desse mundo.

Nos primeiros passos da vida cristã, aprendemos a valorizar o tempo da nossa devocional e não deixamos de fazer nosso momento devocional por nada. É prioridade. Aprendemos a começar e terminar nosso dia na presença de Deus.

É claro que as pessoas do nosso contexto percebem que nosso jeito de vida mudou quando começamos a investir tempo nas devocionais, pois nossa postura e linguajar mudou, nossa inquietação também mudou, nossos valores mudaram, e assim por diante. Os momentos de devoção mudam nosso ser e as pessoas percebem.

O pastor e teólogo Wayne Cordeiro, em seu livro “Mentores segundo o coração de Deus”, afirmou assim: “Quando você deixa de fazer suas devocionais um dia, você percebe. Quando você deixa de fazê-las por dois dias, sua família percebe. E, quando deixa de fazê-las por três dias, o mundo inteiro percebe”.

Nossa vida devocional revela nossa intimidade com Deus e impacta diretamente no nosso testemunho. Cuidar da nossa vida devocional é um investimento no reino de Deus, pois nós crescemos e nosso testemunho se torna eficaz. Cuide de sua alma e separe um tempo para suas devocionais com o Pai.

Jesus exortou aos irmãos da Igreja de Éfeso a voltar “ao primeiro amor”, e assim somos exortados a entender que precisamos voltar “aos primeiros passos da vida cristã”, ou seja, a uma vida devocional. Uma vida devocional agrada a Deus e nos ajuda a darmos testemunho fiel de que somos discípulos de Jesus. Invista na sua espiritualidade!